Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Monserrat Caballé’ Category

UN BALLO IN MASCHERA

(Monserrat Caballé, ROH Convent Garden, 2 de janeiro de 1981)

Pouco tempo depois de estar no palco

quem sai? Pelo amor à personagem

torturada, ou quem sente a ameaça

de qualquer mal ao canto vulnerável?

(Madame Caballé is unwell veio

dizer alguém à boca de

cena interrompido o primeiro acto)

O amor e o canto são metades

iguais do ser da arte confundíveis

por quem o canto escuta não porém

pelo cantor, digo, também por

ele: a voz às vezes com a dor confunde

a sua natureza, então no palco fica

uma súbita pausa um som de morte

a incerteza do que viver seja

Read Full Post »