Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \15\UTC 2011

OS DESCABEÇADOS

OS DESCABEÇADOS

 

O  que acontece com a cabeça dos decapitados

além do espetáculo de uma hemoptise singular?

Talvez encontrássemos a vida

se ao invés de sonharmos em ser homens

sonhássemos apenas

em ser hidra

Quem sabe

numa dessas cabeças que nos tiram

outras brotassem

pra renovar o sonho

que nos deu não a luta

mas a vontade de lutar

Uma só cabeça

não dá tempo nem defesa

São ágeis a lâmina e o aço

do fracasso que nos degola

e um amor que fecha a porta

faz o homem sem cabeça

perecer como rato

De um lado o corpo exangue

de um coração sem mundo

do outro

uma cabeça inútil e sem razão

De ambos goteja o sangue adubo

numa terra

onde o homem que sonha em ser homem

será sempre um muro

Com a hidra venceríamos

Com a hidra haveria possibilidade

Sem a hidra

como riem de nós

as ostras, os mosquitos

as pulgas, os vermes

a insanidade!

O infame lambuza-se

no mel das vespas

e urina sobre os homens decapitados

esses seres sem tempo e sem defesa

a tudo que os espreita

manso

maquinando

lado a lado

I.M.Fornerón

Read Full Post »

Quantos Seremos?

Quantos seremos?
Não sei quantos seremos, mas que importa?!
Um só que fosse, e já valia a pena
Aqui, no mundo, alguém que se condena
A não ser conivente
Na farsa do presente
Posta em cena!

Não podemos mudar a hora da chegada,
Nem talvez a mais certa,
A da partida.
Mas podemos fazer a descoberta
Do que presta
E não presta
Nesta vida.

E o que não presta é isto, esta mentira
Quotidiana.
Esta comédia desumana
E triste,
Que cobre de soturna maldição
A própria indignação
Que lhe resiste.

 

Miguel Torga

Read Full Post »